Projeto Político Pedagógico

A profissão do Administrador é regida pela Lei n° 4769 (BRASIL, 1965). No entanto, esta só foi regulamentada pelo Decreto n° 61934 (BRASIL, 1967). Na referida regulamentação, definiu-se que a atividade do Administrador compreende:

  1. elaboração de pareceres, relatórios, planos, projetos, arbitragens e laudos, em que se exija a aplicação de conhecimentos inerentes às técnicas de organização;

  2. pesquisas, estudos, análises, interpretação, planejamento, implantação, coordenação e controle dos trabalhos nos campos de administração geral, como administração e seleção de pessoal, organização, análise, métodos e programas de trabalho, orçamento, administração mercadológica, administração da produção, relações industriais, bem como outros campos em que estes se desdobrem ou com os quais sejam conexos;

  3. exercício de funções e cargos de Administração do Serviço Público Federal, Estadual, Municipal, autárquico, Sociedades de Economia Mista, empresas estatais, paraestatais e privadas, em que fique expresso e declarado o título do cargo abrangido;

  4. exercício de funções de chefia ou direção, intermediária ou superior, assessoramento e consultoria em órgãos, ou seus compartimentos, de Administração Pública ou de entidades privadas, cujas atribuições envolvam principalmente, aplicação de conhecimentos inerentes às técnicas de administração;

  5. magistério em matérias técnicas do campo da administração e organização.

  6. Baseada na regulamentação acima descrita, o profissional a ser formado no Curso Superior de Bacharelado em Administração do IF Sudeste MG, campus Muriaé, deverá desenvolver a capacidade de identificar conflitos, propondo soluções em gestão, processos e produtos. Para tanto, tal profissional deverá adaptar-se às constantes mudanças nas necessidades do mercado. Especificamente, espera-se do profissional a ser formado as seguintes competências e habilidades, de acordo com a Resolução n° 04 (CNE, 2005):

  7. reconhecer e definir problemas, equacionar soluções, pensar estrategicamente, introduzir modificações no processo produtivo, atuar preventivamente, transferir e generalizar conhecimentos e exercer, em diferentes graus de complexidade, o processo da tomada de decisão;

  8. desenvolver expressão e comunicação compatíveis com o exercício profissional, inclusive nos processos de negociação e nas comunicações interpessoais ou intergrupais;

  9. refletir e atuar criticamente sobre a esfera da produção, compreendendo sua posição e função na estrutura produtiva sob seu controle e gerenciamento;

  10. desenvolver raciocínio lógico, crítico e analítico para operar com valores e formulações matemáticas presentes nas relações formais e causais entre fenômenos produtivos, administrativos e de controle, bem assim expressando-se de modo crítico e criativo diante dos diferentes contextos organizacionais e sociais;

  11. ter iniciativa, criatividade, determinação, vontade política e administrativa, vontade de aprender, abertura às mudanças e consciência da qualidade e das implicações éticas do seu exercício profissional;

  12. desenvolver capacidade de transferir conhecimentos da vida e da experiência cotidianas para o ambiente de trabalho e do seu campo de atuação profissional, em diferentes modelos organizacionais, revelando-se profissional adaptável;

  13. desenvolver capacidade para elaborar, implantar e consolidar projetos em organizações; e

  14. desenvolver capacidade para realizar consultoria em gestão e administração, pareceres e perícias administrativas, gerenciais, organizacionais, estratégicos e operacionais.

  15. O perfil desejado do egresso do Curso de Administração do IF Sudeste MG, campus Muriaé, compreende uma formação generalista, humanística e visão sistêmica que possibilite ao futuro Administrador a compreender o meio social, político, econômico e cultural em que está inserido, com condições plenas de tomar decisões em um mundo diversificado. Pretende-se, por exemplo, que o egresso possa interpretar fenômenos econômicos regionais e nacionais, contextualizando, de acordo com a sua realidade, os possíveis efeitos resultantes de tais fenômenos.

  16. Portanto, a formação pretendida pelo Curso de Administração do IF Sudeste MG, campus Muriaé, permite ao egresso plenas condições de atender às demandas de setores locais, a partir de conhecimentos construídos ao longo da formação acadêmica e profissional.

     

O perfil desejado do egresso do Curso de Administração do IF Sudeste MG, campus Muriaé, compreende uma formação generalista, humanística e visão sistêmica que possibilite ao futuro Administrador a compreender o meio social, político, econômico e cultural em que está inserido, com condições plenas de tomar decisões em um mundo diversificado. Pretende-se, por exemplo, que o egresso possa interpretar fenômenos econômicos regionais e nacionais, contextualizando, de acordo com a sua realidade, os possíveis efeitos resultantes de tais fenômenos.

Portanto, a formação pretendida pelo Curso de Administração do IF Sudeste MG, campus Muriaé, permite ao egresso plenas condições de atender às demandas de setores locais, a partir de conhecimentos construídos ao longo da formação acadêmica e profissional.

Como forma de enriquecimento da capacidade de atuação, nota-se também que com os conhecimentos construídos pelo egresso possibilitarão a ele conquistas de novos espaços de trabalho em nível estadual e nacional.

Almeja-se a formação de profissionais capazes de compreender a organização de forma holística e que estejam preparados para interagir com as mudanças ambientais. Tendo como base essa premissa e que seja viabilizado o desenvolvimento de competências e habilidades explicitadas pelas Diretrizes Curriculares Nacionais do curso de graduação em Administração, o currículo do Curso Superior de Bacharelado em Administração do IF Sudeste MG, campus Muriaé, tem se voltado a:

  • associar cidadania e competitividade;

  • conectar disciplinas, favorecendo a interdisciplinaridade;

  • ler e interpretar comunicações científicas e relatórios da área;

  • utilizar metodologias participativas que propiciem o desenvolvimento e a integração do aprender a conhecer, aprender a fazer, aprender a conviver e a aprender a ser;

  • fazer uso das tecnologias de informação e comunicação, como elementos imprescindíveis à eficiência e dinâmica da competitividade;

  • fomentar a pesquisa e a extensão, como atividades complementares a ensino e como caminhos de inserção na comunidade;

  • conhecer e interagir com a realidade local, promovendo a disseminação dos modelos de tecnologia e gestão organizacional;

  • promover o desenvolvimento integral do ser humano, nos seus múltiplos aspectos humanos e profissionais.

  • Logo, o perfil do egresso do Curso de Administração do IF Sudeste MG, campus Muriaé, é compatível e coerente com o perfil estabelecido pelas Diretrizes Curriculares Nacionais do curso de Administração.

     

Como forma de enriquecimento da capacidade de atuação, nota-se também que com os conhecimentos construídos pelo egresso possibilitarão a ele conquistas de novos espaços de trabalho em nível estadual e nacional.

Almeja-se a formação de profissionais capazes de compreender a organização de forma holística e que estejam preparados para interagir com as mudanças ambientais. Tendo como base essa premissa e que seja viabilizado o desenvolvimento de competências e habilidades explicitadas pelas Diretrizes Curriculares Nacionais do curso de graduação em Administração, o currículo do Curso Superior de Bacharelado em Administração do IF Sudeste MG, campus Muriaé, tem se voltado a:

  • associar cidadania e competitividade;

  • conectar disciplinas, favorecendo a interdisciplinaridade;

  • ler e interpretar comunicações científicas e relatórios da área;

  • utilizar metodologias participativas que propiciem o desenvolvimento e a integração do aprender a conhecer, aprender a fazer, aprender a conviver e a aprender a ser;

  • fazer uso das tecnologias de informação e comunicação, como elementos imprescindíveis à eficiência e dinâmica da competitividade;

  • fomentar a pesquisa e a extensão, como atividades complementares a ensino e como caminhos de inserção na comunidade;

  • conhecer e interagir com a realidade local, promovendo a disseminação dos modelos de tecnologia e gestão organizacional;

  • promover o desenvolvimento integral do ser humano, nos seus múltiplos aspectos humanos e profissionais.

  • Logo, o perfil do egresso do Curso de Administração do IF Sudeste MG, campus Muriaé, é compatível e coerente com o perfil estabelecido pelas Diretrizes Curriculares Nacionais do curso de Administração.

No IF Sudeste MG, campus Muriaé o processo de avaliação é considerado um momento de verificação e construção de conhecimentos e que contribui para o desenvolvimento cognitivo, psicomotor e afetivo do discente, e de reflexão do docente sobre sua prática educativa, convertendo-se verdadeiramente em um instrumento pedagógico.

Neste sentido, seu resultado é usado para a reflexão de todos os atores envolvidos no processo, com o objetivo de avaliar e replanejar os procedimentos adotados no dia-a-dia da sala de aula.

Para o processo de construção e reconstrução da aprendizagem os professores do IF Sudeste MG, campus Muriaé são orientados a utilizarem procedimentos metodológicos para avaliar o grau de aprendizagem, seja em relação ao todo (o grupo), seja em relação a um determinado aluno em particular de forma contínua e cumulativa.

Aavaliaçãodeveserumprocessocontínuo,quecontempleaevoluçãodoconhecimento,dashabilidadeseatitudesdo discente, sendotraduzidaemconceitosquedemonstremoníveldeaprendizagem.Ainteraçãoprofessor/alunodecorredeaulasexpositivasedialogadas,alémdecontemplar:

  • estudosde casoe simulações;

  • seminárioscomapresentaçõesemgrupos;

  • dinâmicasdeGrupo;

  • aulaspráticascomtrabalhosdomiciliaresindividuaiseemgrupos;

  • utilizaçãoderecursosdeensino:vídeos,software,periódicos,data-show, Internet,laboratóriodeinformática;

  • palestrasevisitastécnicas;

  • trabalhosdepesquisa.

O NDE do Curso de Administração do IF Sudeste MG, campus Muriaé é composto pelos seguintes membros:

 

 

COMPOSIÇÃO DO NDE

SITUAÇÃO

Prof. MSc. Sandro Feu de Souza

Presidente do NDE (coordenador do curso)

Profa.MSc. Ana Paula Wendling Gomes

Membro docente

Profa. Dra. Beatriz Gonçalves Brasileiro

Membro docente

Prof. Dr. Natalino da Silva de Oliveira

Membro docente

Prof. MSc. Ricardo Resende Bersan

Membro docente

Prof. Dr. Sérgio Pereira de Souza

Membro docente

Prof. MSc. Telêmaco Pompei

Membro docente

 

O curso de bacharelado em Administração do IF Sudeste MG, campus Muriaé na modalidade presencial, no turno noturno, organizado em regime seriado semestral, com idêntico regime de matrícula (semestral), com carga horária mínima de 3.000 (três mil) horas de efetivo trabalho acadêmico, teve início em 2010, autorizado pela Resolução CONSU 003/2009, de 20 de Agosto de 2009. Tem sua periodicidade de oferta anual. Possui como requisitos, quantidade de vagas e forma de acesso ao curso os seguintes critérios:

Requisito:

Escolaridade prévia: ensino médio completo.

 

Quantidade de vagas:

40 (quarenta) vagas anuais

 

Forma de acesso:

Vestibular, sendo 10 (dez) vagas para a ampla concorrência; 10 (dez) vagas para alunos de escola pública e 20 (vinte) vagas através do SISU.

Baixar Arquivo
SIGAA | Instituto Federal do Sudeste de MG - 3257-4100 | Copyright © 2006-2021 - IF Sudeste MG - sig11.ifsudestemg.edu.br.sig11