Projeto Político Pedagógico

O curso de Zootecnia visa a formação superior sólida de profissionais para atuar junto aos
meios de produção, pesquisa, ensino e extensão zootécnica, através da aplicação dos fatores de
produção, visando o aumento da produtividade animal que atenda aos interesses sociais da
comunidade em que estiver inserida com consciência ética, política, humanista e ambiental. O
profissional formado em Zootecnia é denominado de Zootecnista.

Propriedades Agropecuárias: atuando na gestão e consultoria técnica, organização de programas
de nutrição e alimentação para bovinos de leite e de corte, suinocultura, avicultura, piscicultura,
caprinocultura, ovinocultura eeqüinocultura.
1. Escritórios de planejamento: atuando na elaboração e execução de projetos agropecuários e
ambientais.
2. Consultor autônomo: consultoria a produtores rurais, empresas produtoras de insumos.

3. 

Pesquisador em órgãos públicos e empresas privadas: desenvolvendo pesquisas nas mais
diversas áreas da cadeia produtiva.
4. Instituições de ensino superior: atuando como professor e pesquisador.
5. Empresas de produção e distribuição de insumos agrícolas: atuando no desenvolvimento de
novos produtos, comercialização e posicionamento adequado dos insumos.
6. Cooperativas.
7. Fábricas de rações, suplementos minerais, vitamínicos e aditivos.
8. Bancos de crédito rural;
9. Empresas de assistência técnica e extensão rural, como a EMATER.

Planejar, gerenciar ou assistir diferentes sistemas de produção animal e estabelecimentos
agroindustriais, inseridos desde o contexto de mercados regionais até grandes mercados
internacionalizados, agregando valores e otimizando a utilização dos recursos potencialmente
disponíveis e tecnologias sociais e economicamente adaptáveis.
Atender às demandas da sociedade quanto a excelência na qualidade e segurança dos
produtos de origem animal, promovendo o bem-estar, a qualidade de vida e a saúde pública.

Viabilizar sistemas alternativos de produção animal e comercialização de seus produtos ou
co-produtos, que respondam a anseios específicos de comunidades à margem da economia de
escala.
Pensar os sistemas produtivos de animais contextualizados pela gestão dos recursos
humanos e ambientais.
Trabalhar em equipes multidisciplinares, possuir autonomia intelectual, liderança e espírito
investigativo para compreender e solucionar conflitos, dentro dos limites éticos e consciência
profissional.
Desenvolver métodos de estudo, tecnologias, conhecimentos científicos, diagnósticos de
sistemas produtivos de animais e outras ações para promover o desenvolvimento científico e
tecnológico.
Promover a divulgação das atividades da Zootecnia, utilizando-se dos meios de
comunicação disponíveis e da sua capacidade criativa em interação com outros profissionais.
Desenvolver, administrar e coordenar programas, projetos e atividades de ensino, pesquisa e
extensão, bem como estar capacitado para lecionar nos campos científicos que permitem a formação
acadêmica do Zootecnista.
Atuar com visão empreendedora e perfil pró-ativo, cumprindo o papel de agente
empresarial, auxiliando e motivando a transformação social.
Conhecer, interagir e influenciar as decisões de agentes e instituições na gestão de políticas
setoriais ligadas ao seu campo de atuação.

A metodologia de ensino das matériasde formação profissional, além 
de se desenvolverem através dos tradicionais recursos da exposição didática, 
estudos de caso, dos exercícios práticos em sala de aula, dos estudos dirigidos 
e seminários, deverão contemplar também mecanismos que garantam a 
articulação da vida acadêmica com a realidade concreta da sociedade e os 
avanços tecnológicos, incluindo assim alternativas como multimídia, visitas 
técnicas, internet e projetos desenvolvidos com parceiros geograficamente 
dispersos, via internet.

A gestão do curso é feita pelo coordenador do curso e conta com o apoio da Coordenação Geral de Graduação (CGG), Coordenação Geral de Assuntos e Registros Acadêmicos (CGARA) e Coordenação Geral de Assistência Estudantil (CGAE). 

O processo de autoavaliação do curso está presente no programa de avaliação institucional
do IF SUDESTE MG - Campus Rio Pomba. É um processo contínuo com permanente interação que
visa o aperfeiçoamento do curso. Todo final de semestre a CPA(Comissão Própria de Avaliação)
aplica instrumentos junto aos alunos para avaliação do desenvolvimento do curso. Os resultados são
trabalhados juntamente com os professores para reavaliação. Realiza-se também, avaliação com os
docentes e pessoal técnico-administrativo. Portanto, com o referido programa pode-se, todo início
de semestre, traçar novas metas e implementar o planejamento estratégico.
A avaliação institucional é uma preocupação constante e atividade perene no Instituto, que
visa a busca da qualidade do ensino, da pesquisa e da extensão, como decorrência da procura de
aprimoramento permanente do profissional, exigido pelas novas expectativas sociais.
Uma escola de qualidade depende da cooperação de quatro elementos fundamentais: os
administradores, os professores, os funcionários e os alunos. Sem o concurso desses quatro
elementos, a escola não pode subsistir.
A verdadeira função, o verdadeiro fim do Instituto é bem servir os seus acadêmicos,
desenvolvendo, ao máximo, todas as suas potencialidades. O grande objetivo das organizações
humanas é atender às necessidades do ser humano, na sua luta pela sobrevivência.

Baixar Arquivo
SIGAA | Instituto Federal do Sudeste de MG - 3257-4100 | Copyright © 2006-2021 - IF Sudeste MG - sig10.ifsudestemg.edu.br.sig10